sábado, 26 de julho de 2014

DEPUTADO FEDERAL JOSÉ CARLOS ARAÚJO, O HOMEM DE VÁRIAS EMENDAS EM BENEFÍCIO A ITARANTIM, FALAREMOS DE TODAS.

Como diz o título da matéria, o homem de várias emendas em benefício a Itarantim, e são várias mesmo, tanto que faremos aqui um série de matérias sobre essas emendas, você cidadão Itarantinhense fará sua análise, e verá que o deputado José Carlos Araújo, mostrou que tem mesmo compromisso com nosso município, e olha que o deputado nunca chegou por aqui de helicóptero prometendo o mundo, como já vimos por aqui, aproveitadores, cheios de promessas e nada de realizações, quem bem se lembra tem deputado que prometeu até iluminar o estádio Florindo Dantas, e se não conseguiu nem um calçamento para uma pequena rua imagina isso. Portanto, veja a primeira das séries de ações do deputado José Carlos Araújo, fiel aliado do prefeito Dr. Paulo Fernandes, e fiel parceiro de nosso município, para nossa cidade.

Moderníssimo colégio no bairro Senhor do Bonfim, juntamente com um PSF.

                                          Terreno onde será a construção.
As portas se abrem para o futuro de nossa cidade, e tendo uma parceria como essa com o deputado José Carlos Araújo, a cidade ganha, e ganha muito, bom para todos. 

(não percam, divulgaremos nas próximas matérias as várias outras ações do deputado) 

Itarantim uma cidade melhor para todos! 

Por Roberto Ataíde 

Fotos Diego Oliveira

sexta-feira, 25 de julho de 2014

OTTO ALENCAR E JOSÉ CARLOS ARAÚJO, CONSEGUEM JUNTO AO GOVERNO DO ESTADO A RECUPERAÇÃO DA ESTRADA QUE LIGA MAIQUINIQUE A JORDANIA.

Conforme matéria divulgada aqui no Itarantim agora, do do dia 28 de junho 2014, Dr. Otto Alencar, atendendo pedido dos deputados, José Carlos Araújo, a estrada que liga o município de Maiquinique, passando pelo distrito de Ribeirão do Salto até Jordânia, está totalmente patrolada, cascalhada e compactada, um verdadeiro tapete, foram mais de trezentas horas de máquinas trabalhando a todo vapor, e a estrada está muito boa, e como dizia a matéria, isso sim é compromisso com nossa região, como nossa gente, Itarantim se beneficia com o empenho total do prefeito Dr. Paulo em trazer os benefícios para o município, e com a fidelidade de Otto ao prefeito Dr. Paulo, junto ao governador do estado, e a vontade politica de José Carlos Araújo , toda região sai ganhando.

Por Roberto Ataide

Fotos Adriano Wirz

A GUERRA ENTRE ISRAEL E OS PALESTINOS GANHAM AS REDES SOCIAIS

Quem diria, que ao ligar nossos computadores, e entrar nas redes sociais, déssemos de cara com, derramamento de sangue, crianças mutiladas e por ai vai, mas é exatamente isso que vem acontecendo, e esta cada vez mais absurda essa guerra, nojenta repugnante, irracional para um conflito de longos anos que parecem nunca chegar a um verdadeiro final. Agora Israel tem feito uso das redes sociais para, para tentar reverter a opinião pública, sobre a mais recente ofensiva, na faixa de Gaza. A vida parece não ter valor, no oriente médio, mas quem sabe, um dia não veremos tais notícias no nosso dia a dia, sobre aquela região, sobre aquele povo, sobre aquelas indefesas criancinhas!

Por Roberto Ataide

Boa notícia para o PT ONU elogia Brasil por Bolsa Família e cotas nas universidades


O Brasil subiu uma posição no Índice de Desenvolvimento Humano (IDH) de 2013, para o 79º lugar, num total de 187 países, segundo o Relatório do Desenvolvimento Humano da ONU, divulgado nesta quinta-feira (24/07) pelo Programa das Nações Unidas para o Desenvolvimento (Pnud). 

Com IDH 0,744, o país registrou a mesma nota da Geórgia (república da região do Cáucaso) e de Granada (país do Caribe). Pela metodologia das Nações Unidas, o Brasil é considerado um país de alto desenvolvimento humano por ter nota acima de 0,7. O IDH varia de 0 a 1, grau máximo de desenvolvimento. 

O relatório do Pnud, com o título Sustentar o Progresso Humano: reduzir as vulnerabilidades e aumentar a resiliência, aponta o Brasil como o autor de boas medidas na área de desenvolvimento humano. Uma das iniciativas elogiadas é o Bolsa Família, que, segundo o documento, "é um programa de transferência de dinheiro que tenta minimizar efeitos negativos a longo prazo, mantendo as crianças na escola e protegendo a sua saúde". 

"[O programa] custou apenas 0,3% do Produto Interno Bruto entre 2008 e 2009 e foi responsável por 20% a 25% de redução da desigualdade (...) e está ligado a uma redução de 16% da pobreza extrema", diz o documento, acrescentando que muitos países "têm descoberto que um investimento inicial de uma pequena parte do PIB tem benefícios que em muito o ultrapassam". 

O relatório garante que fornecer benefícios de segurança social básicos aos pobres "custaria menos do que 2% do PIB mundial" e contraria a ideia de que apenas os países ricos podem oferecer serviços universais. 

Ao lado dos frequentemente elogiados países escandinavos, como a Dinamarca, a Noruega e a Suécia, a Coreia do Sul, a Costa Rica e o Brasil surgem na lista dos países com boas práticas. "Esses países começaram a implementar medidas de proteção social quando o seu PIB per capita era inferior ao da Índia ou do Paquistão." 

A ONU diz ainda que o Brasil está tentando reduzir as disparidades raciais para os mestiços e afro-brasileiros, que constituem mais de metade da sua população. Como exemplos, diz que o país aprovou em agosto de 2012 uma lei que exige cotas de admissão preferencial para essa população nas 59 universidades e 38 escolares técnicas federais. Em 1997, apenas 2,2% de negros e mestiços entre os 18 e 24 anos frequentavam universidades. Em 2012, essa percentagem subiu para 11%. O número de estudantes desprivilegiados também aumentou, de 30 mil para 60 mil, no mesmo período. 

"O Brasil embarcou para o desenvolvimento e consolidação democrática com divisões étnicas e raciais e desigualdade como pano de fundo. O governo implementou uma mistura de intervenções políticas destinadas a incentivar o mercado de trabalho, expandir o ensino universal e enfrentar disparidades de gênero e raça", escrevem os autores do relatório. 

O Pnud entende que esses esforços são responsáveis por efeitos como a queda da mortalidade infantil, que foi cortada para quase metade entre 1996 e 2006, e a proporção de meninas na escola primária, que subiu de 83% para 95% entre 1991 e 2004. 

Melhora significativa 

Apesar da melhora do IDH, o Brasil continua abaixo de outros países latino-americanos, como Chile (41º lugar, com nota 0,822), Cuba (44º, com nota 0,815) e Argentina (49º, com nota 0,808), considerados com grau muito alto de desenvolvimento humano por terem obtido nota acima de 0,8. A Noruega lidera o ranking, com nota 0,944, seguida de Austrália (0,933), Suíça (0,917) e Holanda (0,915). Os últimos lugares são ocupados por Níger, Congo e República Centro-Africana. 

O índice é calculado com base em três aspectos do desenvolvimento humano: uma vida longa e saudável, acesso ao conhecimento e qualidade de vida. Para isso, são levados em conta fatores como a esperança média de vida, anos de escolaridade de cada cidadão e PIB per capita. Em 2013, o Brasil registrou 73,9 anos de expectativa de vida, 7,2 anos de média de estudo, 15,2 anos de expectativa de estudo para as crianças que atualmente entram na escola e renda nacional bruta per capita de 14.275 dólares, ajustada pelo poder de compra. 

O IDH do Brasil em 2013 subiu 36,4% em relação a 1980. Naquele ano, a expectativa de vida correspondia a 62,7 anos, a média de estudo era de 2,6 anos, a expectativa de estudo somava 9,9 anos, e a renda per capita totalizava 9.154 dólares. "O Brasil é um dos países que mais evoluíram no desenvolvimento humano nos últimos 30 anos", disse o representante do Pnud no Brasil, Jorge Chediek. Ele destacou que as mudanças são estruturais e têm ocorrido em todos os governos.

quinta-feira, 24 de julho de 2014

DEPUTADO FEDERAL JOSÉ CARLOS ARAÚJO É UM GRANDE PARCEIRO DO PREFEITO DR PAULO FERNANDES

Os recursos distribuídos pelo Governo, através de emendas conseguidas pelo Deputado Federal, José Carlos Araujo, estão vindo grandes obras, a exemplo da reforma do Hospital Regional de Itarantim(valor da emenda R$300.000 mil reais para reforma e R$50,000 mil reais, para compra de equipamentos), a reforma do estádio municipal Florindo Dantas, Reforma do mercado Municipal, reforma da Rodoviária. Várias ruas serão calçadas. Estamos muito felizes porque nosso sonho de mudança por uma Itarantim melhor, onde nosso povo tenha qualidade de vida, está acontecendo de verdade”, comentou o Prefeito Dr Paulo Fernandes.
De acordo com o Deputado José Carlos Araújo, essa é só uma parte de muitos benefícios que estão acontecendo e que ainda estão por vir para Itarantim. Saneamento, calçamento, aquisição de ambulâncias, escolas, Psfs, casas populares, reforma do estádio municipal, asfaltamento das avenidas, são algumas das obras citadas pelo deputado a serem implantadas em Itarantim. Muitas delas ainda este ano. “Itarantim será uma cidade modelo de gestão”, opinou o deputado José Carlos Araújo.
O Deputado José Carlos Araújo é um grande parceiro do nosso município, e por ser da base do Governador Jaques Wagner [PT] e do vice governador Otto Alencar(PSD), tem ajudado muito o nosso município na liberação de recursos, para que possamos cumprir nossos projetos para o desenvolvimento dos Itarantienses.


ADM : UMA CIDADE MELHOR PARA TODOS ....

MUTIRÃO DO RASTREAMENTO DE CÂNCER DE MAMA, SECRETARIA DE SAÚDE SE REÚNE PARA REALIZAR AS AÇÕES.



A secretaria de saúde do município de Itarantim se reuniu no auditório da prefeitura, para mobilização da equipe, para as ações referentes ao mutirão do rastreamento do câncer de mama, para mulheres com idade entre 59 a 69 anos. A secretária de saúde Wlliana Xavier Barreto Pires, está empenhada e motivada para esta ação que é de vital importância para todas as mulheres na referida idade, e convocou toda equipe para se engajar na campanha, não percam esta grande oportunidade, lembrando que é de graça, a secretaria de saúde fará os procedimentos na sua sede , à travessa Joaquim Pessoa em frente a cesta do povo.

Itarantim uma cidade melhor para todos

Por Roberto Ataide

Fotos Jhessy oliveira

quarta-feira, 23 de julho de 2014

Lula está surpreso com alta rejeição ao PT, que ele esperava só em 2018.


Fadiga de material Em conversa recente com um aliado, Lula se disse surpreso com o grau de rejeição ao PT e reconheceu que a imagem do partido pode ter se desgastado antes do que previa. O ex-presidente esperava que o eleitorado acusasse a “fadiga de material” apenas na próxima corrida presidencial, em 2018. O sentimento, portanto, não comprometeria a reeleição de Dilma Rousseff. Com o novo diagnóstico, Lula entende que é preciso repensar o discurso para manter o petismo no poder. E será que vale a pena se manter no poder depois de tantos desgastes, corrupção, o Brasileiro esta mais atento aos assuntos políticos do país, inclusive os jovens com idade de dezesseis, anos que passaram a ter direito ao voto, pelo visto o PT está sendo obrigado a repensar sua história, o único petista de fato que ainda tem influencias, tanto no partido, como em algumas camadas da sociedade, é o próprio Luís Inácio.

Por Roberto Ataíde ( ADAPTADO)

A SECRETARIA MUNICIPAL DE SAÚDE REALIZARÁ MUTIRÃO DE RASTREAMENTO DO CÂNCER DE MAMA, COM DIAGNÓSTICO GRATUITO.

A Secretaria Municipal de Saúde de Itarantim avisa à TODAS as mulheres com idade entre 50 e 69 anos que estará acontecendo em nosso município entre os dias 28 de julho e 5 de agosto o MUTIRÃO DE RASTREAMENTO DO CÂNCER DE MAMA com MAMOGRAFIA BILATERAL GRATUITA. Você mulher entre 50 a 69 anos procure seu agente comunitário ou o posto de saúde do seu bairro para fazer seu cadastro agora mesmo. Não perca essa Oportunidade de cuidar de sua saúde. É de graça! Os procedimentos serão realizados na sede da Secretaria de Saúde, situada na travessa Joaquim Pessoa, S/N, de frente a Cesta do Povo a partir do dia 28 até dia 5 de agosto.
Itarantim uma cidade melhor para todos

Por Roberto Ataide

terça-feira, 22 de julho de 2014

NOVA PESQUISA IBOPE APONTA DILMA COM 38%, AÉCIO 22 E CAMPOS 8%

Pesquisa Ibope contratada por O Estado de S. Paulo e pela Rede Globo mostra estabilidade na disputa presidencial. A presidente Dilma Rousseff (PT) soma 38% das intenções de voto. Na pesquisa anterior, de 15 de junho, Dilma tinha 39%. O candidato do PSDB, Aécio Neves, tem 22% das intenções de voto, ante 21% do levantamento anterior. O candidato do PSB, Eduardo Campos, tem 8% das intenções de voto – eram 10% na pesquisa anterior. As oscilações estão todas dentro da margem de erro. Nas simulações de segundo turno, Dilma venceria tanto Aécio quanto Eduardo, por 8 pontos e por 12 pontos, respectivamente.
Completando a chapa do primeiro turno, o pastor Everaldo (PSC) é escolhido por 3% dos eleitores, mesmo patamar anterior. Luciana Genro (PSOL), José Maria (PSTU) e Eduardo Jorge (PV) têm 1% cada. Outros nanicos somam 1%. Brancos e nulos são 16% e indecisos, 9%. Na pesquisa de junho, brancos e nulos eram 13% e indecisos, 8%. Leia Mais…

Pastor Everaldo: "O Estado passou a se servir da população"

Em quarto lugar nas pesquisas para presidente, o provável candidato do PSC critica Dilma e defende teses controvertidas – como renegociar a dívida interna e punir menores infratores
Na semana passada, dias antes da convenção que o apontará candidato à Presidência pelo Partido Social Cristão (PSC), o Pastor Everaldo Pereira conversou com Ciro Gomes, candidato ao mesmo cargo em 2002. Eles têm algo em comum. Everaldo diz que, se eleito, renegociará a dívida interna do Brasil com os bancos. Ideia semelhante, lançada por Ciro em 2002, ajudou a alimentar uma crise de confiança do mercado financeiro. Com 4% das intenções de voto (5,6 milhões de eleitores) nas pesquisas, defensor da redução da maioridade penal e da privatização, Everaldo encostou em Eduardo Campos e poderá ajudar a levar a eleição para o segundo turno. Ninguém imaginaria um cenário desses, com um candidato, antes considerado desconhecido, hoje ganhar projeção e encostar tecnicamente, em Eduardo e Marina, se conseguir angariar 10 milhões de votos, sairá fortalecido, coisa que não poderemos dizer o mesmo de Eduardo e Marina, mas havendo segundo turno, como será tratado o “desconhecido” pastor Everaldo?

segunda-feira, 21 de julho de 2014

Wagner e Pinheiro destacam atuação de José Carlos Araújo na Câmara

A atuação do deputado federal e candidato à reeleição, José Carlos Araújo (PSD-BA) foi destacada pelo governador Jaques Wagner e pelo senador Walter Pinheiro (PT-Ba) durante a inauguração do comitê de campanha “Pra Bahia Mudar Mais” da chapa majoritária com os candidatos Rui Costa (PT) para governador, João Leão (PP), vice e Otto Alencar (PSD) ao Senado além dos deputados federais e estaduais da base do governo, na última sexta-feira (18), na Avenida Tancredo Neves, em Salvador.

Três vezes deputado estadual e também com três mandatos na Câmara Federal, José Carlos Araújo teve sua atuação destacada por importantes nomes da política baiana durante o evento que marcou a oficialização da campanha dos partidos da base governista à sucessão de Wagner que reconheceu a importância do parlamentar: “José Carlos Araújo é um deputado de muita experiência, já foi deputado estadual, é deputado federal e já ocupou várias funções no cenário nacional. É uma pessoa que me ajudou muito. Tenho certeza que continuará a colaborar na Câmara”, afirmou o governador ao comentar a atuação do parlamentar.

Já o senador Walter Pinheiro (PT) fez questão de ressaltar a atuação de José Carlos Araújo em Brasília e a sua presença constante nos municípios baianos: “Ele (José Carlos Araújo) representa muito para a Bahia e representa mais ainda porque é a Bahia em Brasília. É também muito importante para você que se acostumou a vê-lo sempre em sua região e consegue ainda ter a capacidade e a força de estar também presente em Brasília fazendo essa ligação”, disse Pinheiro salientando que para o futuro governo é fundamental contar com José Carlos Araújo na Câmara dos Deputados porque “é com ele que vamos discutir o orçamento da União, trazer mais recursos para o estado e ampliar o crescimento econômico para fazer o desenvolvimento da Bahia” afirmou Walter Pinheiro finalizando que “isto só se consegue com parlamentares tão atuantes quanto José Carlos Araújo”.

DISPUTA ACIRRADA

As pesquisas eleitorais que vão sendo divulgadas indicam que a campanha presidencial será disputada em condições bastante diferentes das de 2010, quando a então candidata Dilma Rousseff foi eleita no segundo turno com uma diferença de mais de 12 milhões de votos sobre o candidato tucano José Serra.

O maior problema para os estrategistas do governo é que, tanto no primeiro quanto no segundo turnos daquele ano, a candidata governista teve a base de sua vitória no Nordeste. No segundo turno, Dilma abriu 11.77.817 votos de diferença no Norte e no Nordeste do país. Nas demais regiões, teve vitória apertada, com apenas 275.124 votos de diferença.

A atuação no primeiro turno, equivalente ao que está sendo apurado agora pelas pesquisas eleitorais, teve votações formidáveis em diversos estados que hoje não parecem tão favoráveis à reeleição de Dilma. A começar pelo Nordeste, que, embora continue sendo o ponto forte da petista, mostrou uma redução do apoio nesta última pesquisa Datafolha, de 55% para 49%.

Além disso, a oposição está mais bem representada em estados importantes naquela região, seja pela candidatura do ex-governador de Pernambuco Eduardo Campos, do PSB, seja pelos palanques que o PSDB conseguiu montar. Em Pernambuco, a candidatura petista, apoiada pelo PSB, teve 1,9 milhão de votos de diferença a seu favor, e hoje, embora as pesquisas continuem mostrando a presidente muito forte, provavelmente será Eduardo Campos quem vai fazer essa diferença, se não maior, sobre Dilma e Aécio.

A vitória de Dilma na Bahia foi de 2,7 milhões de votos, mas hoje o prefeito de Salvador, ACM Neto, do DEM, é a força política em ascensão no estado, e ele está apoiando o candidato tucano juntamente com a dissidência do PMDB local. Dificilmente Dilma ganhará a eleição lá, muito menos por essa diferença.

No Ceará, a diferença a favor do governo foi de 2 milhões de votos, mas hoje a candidatura dissidente do PMDB, do senador Eunício de Oliveira, é a favorita, em coligação com o PSDB, que terá o ex-governador Tasso Jereissati como candidato a senador.

No Amazonas, Dilma teve 64,7% dos votos, tirando uma diferença a seu favor de mais de 850 mil votos. Hoje, a capital está sendo governada pelo PSDB, que tem em Arthur Virgílio um forte cabo eleitoral.

No Maranhão, onde Dilma teve 1,6 milhão de votos a mais, o clã Sarney, em crise, não terá a mesma força, sem falar que a governadora Roseana pode apoiar Aécio, que está em uma coligação com Flavio Dino, do PCdoB, o favorito da eleição.

No chamado Triângulo das Bermudas, que reúne os três maiores colégios eleitorais do país, a situação política não pressupõe as facilidades tidas em 2010 pelo governo.

No Rio de Janeiro, a dissidência do governo Cabral/Pezão a cada dia fica mais explícita pelos atos, não pelas palavras. Ontem, o candidato Aécio Neves visitou o cardeal do Rio, D. Orani Tempesta, acompanhado do senador Francisco Dornelles, que acumula o cargo de candidato a vice de Pezão com o fato de ser tio de Aécio.

A diferença de 1,8 milhão de votos dificilmente será alcançada pela candidatura petista, que tem a apoiá-la o senador Lindbergh Farias — que continua em último lugar nas pesquisas e sem a máquina eleitoral que Pezão comanda. Os dois líderes da pesquisa, Garotinho, do PR, e Crivella, do PRB, podem apoiar Dilma, mas o governo não sabe ainda se ajudaria ou atrapalharia.

Em Minas, Dilma, à frente de uma chapa virtual Dilmasia (com o então candidato ao governo Antonio Anastasia, do PSDB), teve uma diferença a seu favor de 1,8 milhão de votos. Desta vez, os aecistas fazem o cálculo de que o candidato tucano terá cerca de 3 milhões de votos, no mínimo, a mais que Dilma.

Em SP, terreno em que os tucanos têm derrotado o PT em todas as eleições para presidente, o PSDB acha que aumentará a vantagem que Serra teve no 2º turno, de cerca de 1,8 milhão de votos. Ainda mais depois que a pesquisa Datafolha mostrou o governador Geraldo Alckmin deslanchando na eleição para governador e começando a transferir votos para Aécio.

A taxa de rejeição de Dilma em SP é maior do que sua média nacional, que já é alta: ela tem 35% de rejeição no país e 47% no estado. Nada mais exemplar das dificuldades que Dilma encontra em SP do que o resultado da pesquisa sobre o 2º turno no estado: Aécio vence por 50% a 31%, e Campos, por 48% a 32%.

Como, no momento, Aécio está empatado com Dilma em 25% das preferências, e Campos tem apenas 8% no estado, é de se supor que no decorrer da campanha os números se ajustarão em favor da oposição.

SELEÇÃO DE ITARANTIM REALIZA AMISTOSO COM SELEÇÃO DE POTIRAGUA

A Seleção de Itarantim começa sua preparação para a disputa do intermunicipal 2014, e neste domingo fez um jogo treino com a seleção de Potiraguá, onde as duas equipes terminaram empatadas em 1 a 1, foi um jogo válido para que o técnico Almir Mendes, observasse alguns atletas, pois a equipe jogou desfalcada de cinco jogadores entre eles, Romerito e Lupita goleiro. A torcida compareceu, e pode matar a saudade da seleção, pois nas gestões passadas, esqueceram-se do futebol, e agora, com o resgate feito pela administração do prefeito Dr. Paulo Fernandes, Itarantim pode comemorar e soltar novamente o grito de gol, então vamos torcer e vibrar, juntamente com nossos atletas que levarão o nome de Itarantim, cada vez mais longe.

Por Roberto Ataide

domingo, 20 de julho de 2014

DUNGA É O MAIS COTADO PELA CBF PARA DIRIGIR A SELEÇÃO BRASILEIRA

Neste sábado, 19 de julho, a CBF só trabalha com um nome para substituir Felipão no comando da seleção brasileira: Dunga. Campeão como jogador em 1994, Dunga dirigiu o Brasil na Copa de 2010 – foi contratado e demitido por Ricardo Teixeira, antecessor do atual presidente, José Maria Marin.
O blog ouviu pessoas ligadas aos dois lados da negociação (Dunga e CBF) que confirmam a proximidade de um acordo, mas não o dão como certo. A rádio Jovem Pan dá o negócio como fechado. A CBF marcou a apresentação do novo técnico da seleção brasileira para a próxima terça-feira, às 11h.
Tite, preferido da torcida, de acordo com pesquisa Datafolha, negocia com a seleção japonesa. Já o ex-jogador Leonardo, cogitado para o cargo na Seleção, chega ao Brasil na segunda-feira. Ele não quis falar sobre a possibilidade de substituir Felipão. Globoesporte.com